Pela valorização da cultura chapecoense

A cultura é um importante meio de obtenção do conhecimento e possui uma estreita relação com a educação. A Constituição Federal de 1988 estabelece que para promover a cultura deve haver colaboração entre o poder público e a comunidade. Duas definições do termo cultura constam na Constituição: que ora se aplica aos modos de criar, fazer e viver dos diferentes grupos formadores da sociedade, ora se refere as atividades intelectuais e artísticas.

Poder público e sociedade possuem papéis complementares e devem atuar juntos em benefício da cultura, a fim de consolidar uma cidadania cultural. O município é o principal elemento no apoio à valorização da cultura local, portanto, deve ter o seu próprio Plano Municipal de Cultura. Esse plano deve ser precedido por um diagnóstico sobre a realidade cultural da cidade, ou seja, a partir de informações que descrevam a realidade em que vivem as pessoas.

Importante ressaltar que cultura se fortalece com união entre coletivos e poder público. O diálogo é a única via para construção de políticas culturais sólidas e é indispensável o debate como os coletivos para que haja colaboração na construção de políticas públicas culturais. Infelizmente, em Chapecó, mesmo com uma Secretaria e um Conselho Municipal de Cultura, vemos muitas vezes decisões unilaterais, que não vão ao encontro do que a sociedade espera.

O caso mais emblemático foi o do monumento do Centenário. Sem contestar a importância histórica dos homenageados, com certeza merecedores de muitas honras por tudo que colaboraram com o município, mas a construção das estátuas foi na contramão do que se espera para a Cultura, ainda mais por ser uma decisão sem respaldo popular. Chapecó é rica de cultura intelectual e artística, sendo que política pública de cultura vai muito além das três estátuas.

O desafio do agente público é promover a verdadeira inclusão das diversas expressões artísticas locais, com sua justa valorização. Chapecó pode e deve avançar muito culturalmente, especialmente na promoção de políticas voltadas ao reconhecimento e incentivo. O mandato de vereador colabora efetivamente na luta da classe artística chapecoense, estando sempre à disposição para a construção do diálogo e busca de apoio perante a administração municipal.

Valorização da cultura chapecoense.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s