Educação profissionalizante tem que ser incentivada

O Centro de Educação Profissional (Cedup) de Chapecó é referência na qualificação técnica gratuita de pessoas para o mercado de trabalho nas mais diversas áreas do conhecimento, sendo um dos 18 Cedups de Santa Catarina. Atualmente, oferece 10 modalidades de cursos técnicos, tendo 27 turmas e possui 618 alunos matriculados. Neste segundo semestre foram ofertadas 105 vagas em 3 cursos técnicos: estética (matutino), enfermagem (vespertino) e transações imobiliárias (noturno).

Aliás, as matrículas neste segundo semestre só ocorreram após pressão junto à Secretaria de Estado da Educação (SED), que havia cancelado novas vagas neste ano. A ideia era tornar as matrículas anuais e reabri-las em fevereiro e manter ativas as turmas já em andamento. Depois, a SED voltou atrás e abriu 970 vagas em todos os Cedups. Naquela ocasião, tinha me manifestado contrário à proposta, pois é preciso incentivar e consolidar a educação profissionalizante em Santa Catarina.

O Cedup é uma importante ferramenta de qualificação profissional, com foco em proporcionar aos cidadãos emprego e renda, sem perder de vista as mudanças que ocorrem no mundo do trabalho e a qualidade de ensino. Infelizmente, o índice de evasão é alto, sendo que em alguns cursos têm mais de 40% de desistência de um semestre para o outro. E aqui é necessário que alternativas sejam discutidas, sendo preciso que haja incentivo e estímulo para que os Cedups atinjam os objetivos.

O momento é crucial para a construção de um novo modelo de ensino profissionalizante em Santa Catarina. Uma revisão é realmente necessária, para evitar a alta evasão, mas o modelo do Cedup não pode sofrer cortes de recursos ou diminuição de vagas. Muitas vezes, estes cursos gratuitos são a única oportunidade para que jovens e adultos tenham acesso à educação técnica para formação em diversas áreas, como na agrícola, na industrial, na tecnológica, na construção civil ou na saúde.

Com o aumento do desemprego e um mercado de trabalho competitivo, a qualificação profissional tem um importante papel na trajetória do cidadão. Além disso, conta muito para o reposicionamento profissional, contribuindo com novas oportunidades. Nesta época de dificuldades, a qualificação abre portas, agrega conhecimentos e torna a pessoa mais habilitada para desempenhar funções. Defendo que o Cedup siga referência e que conte com mais investimentos do Governo do Estado.

capa-cedup-chapeco-abre-inscricoes-para-tres-cursos-profissionalizantes--42688

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s